poema

poemas

A pós-humanidade inevitável

A pós-humanidade inevitável

A antologia "Hiperconexões" publica seu 3o volume pela Editora Patuá. Com a proposta de pensar o que seria uma poética sobre a pós-humanidade, traz um exercício imaginativo aos dias de hoje. Compartilho meu poema ao tomo.

Read more

lápis e lápide

lápis e lápide

Fiz uma série de poemas. Esta safra nova é meio engraçadinha, com jogos de palavra. Tipo uma entresafra. Não é um, não é outro. Um caminho no meio.

Read more

2 poemas e o processo criativo

2 poemas e o processo criativo

. lugar comum 47: happiness a felicidade é um rinoceronte de aço que te atropela num trago no rastro, mistério e treva do que é amargo . . como domar feras com um espelho pegue a mais temível fera na ...

Read more

o amor e o uso dos pronomes

o amor e o uso dos pronomes

    o amor e o uso dos pronomes meu amor me presenteia com flores esquecidas na rua meu amor tem pesadelos para que eu durma quentinha meu amor é um urso com a pelúcia por dentro meu amor é ...

Read more

sobre o ancoradouro de navios no espaço

sobre o ancoradouro de navios no espaço

sobre o ancoradouro de navios no espaço recados vencidos e livros encomendados não prestam pois o amor é um homem que carrega flores e todos o olham desde 1929 aguardo o telefonema para que me rasgue esse pijama rosa esculpa ...

Read more

o corpo é um corpo

o corpo é um corpo

Quando um corpo será um corpo? Poema que comenta as questões e possibilidades deste lugar que habitamos e que nos habita. Bom para ler em voz alta.

Read more
UA-4597471-4